NO AR
TOCANDO
EM DOURADOS
03/08/2022 07h30min - Agronegócio
1 semana atrás

Tecnologia auxilia contratação do seguro agrícola

Uma plataforma com soluções de ponta a ponta para o seguro agrícola

pixabay ► 

Redação / comercial@grandefm.com.br
Fonte: Grande FM


De acordo com dados da Embrapa, somente no caso da soja no Paraná e no Rio Grande do Sul, por exemplo, as perdas atingiram em torno de 38 milhões de toneladas, o equivalente a US$ 20 bilhões. Todo esse prejuízo liga o alerta da necessidade de seguro rural para os agricultores. 

Diante desse mercado com um potencial de R$ 20 bilhões, a Picsel, uma insurtech especializada no agronegócio, desenvolveu uma solução digital para potencializar as contratações das seguradoras. A plataforma usa inteligência artificial, informações de satélites, conhecimentos de agrometeorologia e atuária para fazer uma análise rápida e precisa do risco do negócio.

“Criamos uma plataforma com soluções de ponta a ponta para o seguro agrícola, com robustez em tecnologia e ciência avançada. Enquanto em vias normais a contratação leva até cinco dias em média, com a nossa solução a cotação e a contratação são concluídas em até três minutos, tudo de forma simples e bastante rápida”, diz Daniel Miquelluti, COO da Picsel.

Nesse contexto, para se ter uma ideia do potencial dessa tecnologia, recentemente a insurtech realizou o monitoramento de aproximadamente 30 milhões de hectares no Brasil, com destaque para o acompanhamento de toda a safra de soja no RS e quase 70% da safra nacional de algodão.

Para isso, utiliza imagens de três tipos de satélite com alta resolução, interligados aos dados climáticos, amostragem de solo, com especificação de genética de cada cultivar, alinhado ao manejo de cada produtor. Assim, compilam e montam uma série histórica de produtividade por fazenda, algo inédito no mercado. “Toda essa base de dados nos permite customizar o seguro cliente por cliente. Enquanto o setor tarifa todo mundo por igual, fazemos essa precificação de acordo com o risco de cada agricultor”, reforça Miquelluti.



•  

Grande FM
Publicada em:

Usamos os cookies e dados de navegação visando proporcionar uma melhor experiência durante o uso do site. Ao continuar, você concorda com nossa Política de Privacidade.